quarta-feira, 20 de maio de 2015

O AMOR...






"O amor percorre territórios devastados da alma,
 com a calma necessária,  para reflorestar um a um. 
Dissolve neblinas. 
Revela o sol.
 Destece máscaras. 
Reinaugura a humildade.
 Faz ventar...
 Faz chorar... 
Faz sorrir!..."
Ana Jácomo





Um comentário:

  1. Belíssima poesia! O amor é assim mesmo...
    Beijos, Élys.

    ResponderExcluir